De Paris para Versalhes: palácio e jardim

Viajandinho!

Quer saber como faz para visitar um dos palácios mais famosos da França de forma rápida e econômica? Então, confira nossas dicas para você ir de Paris até Versalhes sem precisar de excursões ou guias turísticos. É possível juntar sua galera e fazer esse passeio em apenas um dia e o melhor, é tudo muito bem sinalizado! Partiu?

Estátua do Rei Luís em Versalhes, Entrada
Chegada ao Palácio de Versalhes

De Paris para Versalhes: transporte público

🚆 Eu fui de RER (um trem) e foi realmente muito fácil chegar. Você deve procurar o RER C5 com o destino final Versailles-Rive Gauche (essa é a que fica mais perto do palácio).
Dali são apenas 5 minutinhos andando até Palácio (siga o fluxo de pessoas que tudo vai dar certo).

⏲️ São aproximadamente 30 minutos para chegar até a estação final.

💰 Ida e volta: aproximadamente 7 € (aconselho fortemente já comprar a ida e a volta e evitar filas desnecessárias).

Fontes do Jardim de Versalhes
Jardim no inverno

Dicas básicas do passeio

  • Programa-se e tente chegar cedo. A fila para entrar pode ser realmente grande (fiquei 1 hora e meia até entrar) e não há espaço coberto. Então, se a previsão for de chuva leve uma capa de chuva e um agasalho bem potente.
  • A melhor época para visitar é quando as temperaturas estão mais amenas (nem tão frio e nem tão calor). Na primavera jardim fica realmente florido (não foi o caso da minha visita. No inverno o jardim fica seco e muitas estátuas são cobertas para não sofrerem com o mau tempo😓)
  • Aqui está o site oficial do Palácio caso você queira comprar online o tour.

Bilheteria online: aqui você encontra os diferentes tours. Eu fiz o Palácio e o Jardim por 20 €.

  • Dentro do castelo há serviço de restaurante, de acomodação, transporte e lojinhas. Tudo depende de quanto você quer gastar.
  • Recomendo fortemente reservar um dia inteiro para esse passeio.
  • Antes da entrada, você passa por uma revista, então evite levar coisas como pau de selfie para não ter problemas.

>> Aqui você encontra os horários de funcionamento.

O que faz desse Palácio algo tão especial?

Vou falar um pouco sobre a história, mas aconselho fortemente que você assista a série do Netflix Versailles, assim você vai poder passear pelos cenários e entender o contexto da construção do palácio. Isso vai realmente mudar sua perspectiva do lugar.

Entrada do castelo de Versalhes na França
Eu penso: o que você faria se chegasse na sua casa e tivesse uns pilares assim?

Um pouco de história com a minha forma peculiar de contar:

Em 1682, Louis XIV  estava de boas sem ter mais com o que gastar o dinheiro de toda a sociedade francesa e resolveu construir um castelo basiquinho (só que não) para ser a sede do governo francês e, enfim, instaurar  uma Monarquia Absoluta. Acontece que os franceses – que não são de levar desaforo para casa – não gostaram nada de ter um palácio desse porte fora da capital francesa, um jeito que o rei encontrou de fugir dos conflitos políticos e sociais da época.

Fachada em ouro e mármore do Palácio de Versalhes
É riqueza que você quer @?

Depois disso, em 1837 o lugar foi transformado em Museu e também palco do famoso Tratado de Versalhes. Enfim, assim foi construído o que seria um dos castelos mais imponentes de toda a Europa. Regado de muitas brigas políticas, muitas mortes e muito dinheiro, o rei conseguiu montar uma verdadeira obra de arte arquitetônica e impressionar todos que foram contra sua obra. E é isso que você vai encontrar ao visitar o Palácio: as salas, os quartos, inúmeras obras de arte, a famosa sala dos espelhos e muito ouro (Insha’Allah).

O interior: veja com seus próprios olhos

Vou deixar uma galeria aqui do interior do castelo para você conferir um pouquinho do que vai ver por lá. Confesso que fui em um dia chuvoso de inverno, então as fotos do jardim não ficaram tão legais (triste). Mas, dá para se impressionar com a monstruosidade do local. Eu fico pensando o que era viver em um lugar assim tão imenso, imagina para chamar sua mãe o trabalho que não dava (socorrooo, não queria não).

Este slideshow necessita de JavaScript.

Atenção para o dia da semana que você vai. O Palácio fica realmente cheio! Fui ao domingo e não recomendo.

Agora as votinhos da famosa sala dos espelhos. Partiu uma festa nesse lugarzinho humilde?

Este slideshow necessita de JavaScript.

Dica: esse cordão vermelho que estou usando é um rádio que conta as historias dos diversos quartos (um guia auditivo). E tem em português e já está incluso no preço.

O jardim de Versalhes

Tão famoso quanto o palácio, está o jardim. Ele é realmente enorme! Tem pessoas que vão lá para correr, a entrada só no jardim é gratuita. Infelizmente no inverno não consegui ver muita coisa.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Fizemos um destaque no nosso Instagram com todas as dicas da França. Corre lá pra você ver nossos vídeos e um pouco mais desse passeio. Espero que tenha te animado para montar um roteiro bem legal e fazer da sua viagem uma experiência única!

> City Tour em Paris: parte 1

> City Tour em Paris: parte 2

Beijinhos,
Elisa.

 

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s