São Paulo em um final de semana: parte um

Viajandinho que é viajandinho tem que conhecer São Paulo, a maior potência econômica brasileira é também a cidade que não dorme. Por isso, montamos um roteiro super possível para quem está com tempo corrido!
E se Criolo diz que “Não existe amor em SP”,  a gente contraria o poeta e manda umas dicas para você morrer de amores por essa cidade. Confira:

Sábado é dia de cultura

Aos sábados alguns lugares tem a visita gratuita, então, é um ótimo dia para você conhecer os pontos culturais.

 Nossas sugestões para o dia: Pinacoteca, 25 de março, Mercadão, Bairro da Liberdade, Passeio no Ibirapuera.

➡ Nossa sugestão para a noite: Rua Augusta ou o prédio Tokyo

Pinacoteca de São Paulo

Viajandinhas na Pinacoteca de São Paulo
Entrada da Pinacoteca

Transporte: Para chegar até a Pinacoteca você pega a linha azul do metrô e desce na Estação da Luz.

Preço: Aos sábados a entrada é gratuita.

O que você vai encontrar: um enorme acervo de arte brasileira e também arte contemporânea. Um espaço de desenvolvimento cultural e com exposições periódicas. Além de um jardim super lindinho e um café para você entrar no clima da cidade.

Este slideshow necessita de JavaScript.

25 de março e Mercado Municipal (Mercadão de SP)

Embarque na estação da Luz e saia na estação São Bento. Por ali você vai conhecer o Mosteiro de São Bento (não pode tirar fotos) que é uma igreja bem bonita e conservada e logo já pode seguir para a 25 de março, aquele local que você encontra de tudo! Perfeito para quem quer comprinhas baratas ou apenas um passeio antropológico.

O mercadão fica bem próximo e por lá você vai encontrar o tradicional sanduíche de mortadela, o pastel de bacalhau e as inúmeras frutas exóticas. Vá com apetite, porque a quantidade de frutas que você vai provar está fora da normalidade. Você encontra de tudo, mas os preços não são os mais acessíveis.

Também há restaurantes no segundo andar para quem quer almoçar, mas chegue cedo por causa das filas.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Ali perto você encontra o prédio do “Banespão” que tem uma visão linda da cidade. Mas não consegui subir. O valor é de R$ 20,00.

Mirante do Banespão em São Paulo
Perto do Banespão

Bairro da Liberdade

Esse é um dos bairros mais charmosos de SP (pelo menos dos que eu conheci) e posso dizer que fiquei encantada. Cheguei lá e já tinha gente vestido de mangá e sendo feliz no melhor estilo japonês. Os mercadinhos tem produtos em japonês e estava rolando um festival que celebrava a cultura oriental, ou seja, estava tudo enfeitado, com música oriental e danças. Além, é claro, das comidinhas nas diversas barracas que estavam espalhadas pela rua. Um charme só!

Parque Ibirapuera

Para fechar, um passeio no maior parque urbano da cidade. Um local perfeito para andar de skate, patins, correr e ver o sol indo embora. Lá rola atividades ao ar livre e bons lugares para piquenique.

Vamos sair? Parte noturna

A noite de SP merece um post a parte, porque a cidade não dorme. Fomos na Rua Augusta e lá você encontra night para todos os gostos. Uma coisa é certa, se você quer barzinho, restaurante calmo ou agito, opção não vai faltar!

Na semana que vem a gente conta a segunda parte desse roteiro.
Beijos, Elisa.

Autora Elisa
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s